Número Azul: 808 919 800

Controlo de Moscas e Mosquitos

Desinsetização para o Controlo de Moscas e Mosquitos

As moscas e os mosquitos, são chamados insetos dípteros. Aos Diptera pertencem as moscas, os mosquitos, as moscas de fruta (drosófilas), as moscas dos estábulos, etc.

As moscas são geralmente comuns e podem ser encontradas em todo o mundo, exceto na Antárctica. Muitas espécies são particularmente importantes como vetores de doença no homem, e outros animais. Os mosquitos são de grande importância na saúde pública, pois podem transmitir várias doenças, como a febre amarela, dengue, malária, zika e alguns tipos de encefalite, filariose, etc.. Os mosquitos causam grande incómodo, sendo que muitas áreas de recreio deixam de ser utilizadas devido a presença destes, em determinadas épocas do ano.

O controlo de moscas e mosquitos nunca foi fácil

As moscas colocam os ovos em materia orgânica em decomposição, enquanto que os mosquitos fazem as suas posturas em água. Para que o controlo seja eficaz, é sempre necessário incidir sobre os criadouros, o que nem sempre é fácil pois, tratando-se de insectos voadores, o criadouro pode ser distante do local onde se verifica a presença da Praga.

Locais onde as moscas e mosquitos podem estar presentes

Os locais onde este tipo de Praga pode estar presente e afectar os humanos, são diversos. Podem ser hortas familiares, jardins exteriores e interiores, alpendres, envolventes a piscinas, SPA’s, restaurantes, hotéis, bares e discotecas ao ar livre, casas, hospitais, parques temáticos, campings, parques de férias, teatros ao ar libre, áreas adjacentes a lagos e poços, etc..

“Luta integrada” para o controlo de moscas e mosquitos

Para o controlo de dípteros deverá ser posto em prática o conceito da “Luta Integrada”.

Este conceito implica a utilização de meios biológicos, fisícos e químicos.

Meios biológicos: utilização de inseticidas biológicos (bactérias) para o controlo das fases larvares (anti-larva).

Meios físicos: destruição (eliminação) dos criadoros dos insectos ou eliminação das suas fontes de alimento. Devem ainda ser utilizados insectocaçadores (dispomos de uma vasta gama de equipamentos) para capturar os indivíduos adultos.

Meios químicos: utilização de inseticidas químicos (biocidas) para o controlo de formas adultas (Ímago). 

Aplicação de produtos para o controlo de moscas e mosquitos

Na Anticimex as formulações biocidas, são aplicadas recorrendo às técnicas mais inovadoras e eficientes. São aplicados obedecendo às regras mais rigorosas, na completa observância pela preservação do meio ambiente e a completa salvaguarda de espécies não alvo. Da rigorosa análise técnica, resulta a formulação a aplicar, a sua concentração e o tipo de equipamento a utilizar.

Equipamentos para aplicação de produtos para o controlo de moscas e mosquitos

Os equipamentos a utilizar para a aplicação destes produtos são: pulverizadores de pressão prévia, atomizador, nebulizador ou, caso se trate de áreas de grande dimensão, equipamento especial. Na aplicação dos produtos, especialmente na desinsetização de grandes áreas exteriores urbanas, tão importante quanto a escolha dos produtos é a rigorosa seleção dos equipamentos a utilizar. Para este efeito dispomos de um “canhão de pulverização”. Este equipamento tem as seguintes características: 

  • Alcance até 35 metros, com orientação vertical e horizontal, particularmente útil para a atingir o topo das árvores;
  • Bicos de pulverização com débito de 20 a 2500 litros/hora
  • Pulverização ultra baixo volume (ULV) de 6 a 60 litros/hora
  • Auto sensor e função anti-choque, o que implica mais absorção e diminuição da carga eletrostática

 

Temos a solução para o seu problema!

Os nossos cookies são utilizados para melhorar a experiência do utilizador.