Ligue-nos: 215 913 019

As pragas mais comuns no inverno

Podemos pensar que, com a chegada do inverno, as pragas desaparecem e não temos mais com o que nos preocupar até ao verão, mas afinal o que há de verdade nesta crença?

Existem pragas no inverno?

A verdade é que, quando as temperaturas caem, muitos insetos, pássaros ou roedores procuram uma alternativa às geadas de inverno nas ruas e tanto as nossas casas como os escritórios onde trabalhamos são suscetíveis de ser o seu novo refúgio, se não garantirmos uma solução a tempo.

O controlo de pragas no inverno também é necessário

O controlo de pragas no inverno é tão válido e necessário quanto no verão, apenas a intensidade e os tipos de pragas podem variar. Para além disso, no inverno, é mais difícil vê-las a movimentar-se longe dos seus esconderijos, por isso é muito mais difícil de perceber a sua presença e muito mais fácil de não chegar a tempo. Na Anticimex, oferecemos soluções personalizadas há mais de 80 anos e que se adaptadam também à época do ano em que nos encontramos.

Soluções caseiras, uma faca de dois gumes!

Quando nos apercebemos da presença de animais indesejados em nossas habitações, o próprio instinto nos dá o toque de alerta e nos leva a fazer algo imediatamente. Mas qual ação escolher?

A nossa experiência nos diz que as soluções caseiras, embora sejam mais baratas no início, são apenas curativos momentâneos que podem agravar o problema e os danos. Não tomar nenhuma medida de controlo de pragas no inverno por profissionais pode ser um erro muito caro, em todos os aspetos.

As pragas mais comuns durante o inverno:

  • Térmitas: são animais sociáveis ​​e incansáveis, por isso não importa a época do ano em que nos encontramos, eles não param de devorar madeira. Uma clara desvantagem para caixilharias, portas e outras estruturas de madeira da nossa casa ou empresa. Para além disso, as térmitas nunca estão sozinhas, portanto, se virmos uam, devemos ter certeza de que existem centenas delas nas proximidades.
  • Ratazanas: ninguém gosta de passar uma noite fria de janeiro ao ar livre, muito menos os mamíferos. As ratazanas são criaturas capazes de se deslocar para passar por qualquer caminho que as leve ao calor que gostam e lhes dê as condições ideais para se reproduzir.
  • Percevejos: são propensos em qualquer época do ano, porque os nossos colchões, mesas de cabeceira ou sofás sempre lhes dão a temperatura necessária para sobreviver. 
  • Aranhas: realmente não são perigosas para nós, pelo menos aa maioria das que nos rodeiam. Contudo, a sua presença massiva pode ser um problema mais do que irritante.

Problemas com Pragas?

Não deixe a infestação se propagar mais!

Utilizamos cookies para melhorar a experiência do utilizador. Para mais informações, consulte a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies.