Ligue-nos: 215 913 019

Qual a origem dos percevejos?

As primeiras evidências documentadas de pragas de percevejos em humanos remontam-se a milénios de anos atrás, em textos da Grécia clássica e também da Europa medieval.

A primeira evidência tangível da origem da relação parasitária entre percevejos e seres humanos, foi encontrada nos anos '90, quando arqueólogos encontraram restos fossilizados de percevejos com cerca de 3.550 anos de idade na antiga cidade egípcia de El-Amarna.

Apesar disso, os cientistas acreditam que a associação entre percevejos e seres humanos é muito mais antiga, especificamente no momento em que o ser humano compartilhava cavernas com morcegos. Estudos recentes descobriram que na Europa existem duas populações diferentes de percevejos, uma que tem o ser humano como hospedeiro favorito e outra que tem morcegos como hospedeiro. Estas duas populações da mesma espécie, parecem estar a evoluir de maneira diferente, portanto acredita-se que elas acabarão se tornando espécies diferentes.

Primeiro hospedeiro do percevejo

De qualquer forma, as evidências genéticas mostram que o hospedeiro ancestral do percevejo comum era inicialmente o morcego e que, há cerca de 245.000 anos, alguns desses percevejos começaram a se especializar em se alimentar de sangue humano em vez de sangue de morcegos, dando origem à população atual de percevejos que se alimentam de sangue humano. Estes dados formulam a hipótese de que a origem da relação entre percevejos e seres humanos remonte aos tempos pré-históricos.

Problemas com pragas?


215913019 Fale Connosco!

Erradicação dos percevejos

Durante as décadas de 1940 e 1950, os percevejos foram praticamente erradicados nos países desenvolvidos, principalmente devido ao uso de inseticidas poderosos como o DDT, que foram posteriormente banidos devido ao seu enorme impacto ambiental .

No entanto, no ano 2000 e até a atualidade, houve um reaparecimento sem precedentes da praga em muitos países desenvolvidos. Este reaparecimento, parece estar relacionado com as seguintes razões:

 Surgimento de percevejos resistentes a inseticidas

 Aumento nacional e internacional da migração humana

 Comércio global

 Proliferação de lojas de artigos usados que facilitaram a dispersão acidental da praga em residências e hotéis

 

Utilizamos cookies para melhorar a experiência do utilizador. Para mais informações, consulte a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies.