Ligue-nos: 215 913 019

Onde vivem as Térmitas?

As Térmitas são insetos sociais e, como tal, vivem em colónias mais ou menos extensas, dependendo da espécie e do grau de maturidade da colónia, designada por termiteiro.

Existem três tipos de Térmitas: as Térmitas Subterrâneas, as Térmitas da Madeira Seca e as Térmitas da Madeira Húmida. A diferença entre elas é basicamente a localização do ninho que fazem. As Térmitas Subterrâneas são o grupo que inclui as espécies de térmitas que mais danos estruturais causam em edifícios e construções, e também a praga de térmita mais comum em Portugal Continental.

Problemas com Térmitas?

Termiteiros de Térmitas Subterrâneas

Ao contrário do que se poderia pensar, o ninho das Térmitas Subterrâneas não é encontrado na madeira da qual elas se alimentam, mas fica no solo a cerca de 70-100 cm de profundidade, nas proximidades ou logo abaixo de madeira infetada. Tem a particularidade de não ser limitado pelo espaço, por isso pode atingir dimensões consideráveis através da interligação de diferentes ninhos graças a uma complicada rede de túneis subterrâneos. Algumas espécies de térmitas tropicais subterrâneas levantam parcialmente seus ninhos do solo , construindo montes de até 3 a 4 metros de altura.

Termiteiros das Térmitas da Madeira Seca e Madeira Húmida

As Térmitas da Madeira Seca ou Madeira Húmida, por outro lado, não cavam os seus ninhos no chão, mas fazem-no na própria madeira de que se alimentam e que estão a destruir. Neste caso, as colónias são menores, já que não podem se expandir tanto quanto no caso das Térmitas Subterrâneas. Apesar do seu nome, as Térmitas da Madeira Seca também constroem os seus ninhos em madeira húmida, embora a humidade necessária seja muito menor do que no caso das Térmitas da Madeira Húmida (elas exigem apenas 10% de humidade). Este tipo de térmitas fazem o ninho em portas de madeira ou janelas, móveis, vigas ou árvores vivas ou mortas. Em contraste, térmitas de madeira húmida fazem os seus ninhos dentro de madeira com um alto nível de humidade, então é geralmente madeira em estado de putrefação.

 

 

Utilizamos cookies para melhorar a experiência do utilizador. Para mais informações, consulte a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies.